Ir para conteúdo

Olheiras

A hipercromia cutânea periorbital ou “olheira” é uma das queixas mais comuns nos consultórios de dermatologia por interferir na autoestima dos pacientes, proporcionando à face aspecto de cansaço, causando importante impacto na qualidade de vida.
Sua prevalência é maior em indivíduos de pele, cabelos e olhos mais escuros. Acomete indivíduos de qualquer idade, independente do sexo, mas as mulheres são as que mais se queixam !
maquiagem-acabar-com-olheiras
As olheiras parecem apresentar causa multifatorial, envolvendo fatores intrínsecos, determinados pela genética do indivíduo e fatores extrínsecos tais como exposição solar, tabagismo, etilismo, alergias e privação de sono.
A vascularização intensa ocorre principalmente em pessoas de alguns grupos étnicos. Nesse caso sua manifestação é mais precoce, muitas vezes ainda na infância. Nesses indivíduos não há mudança na cor da pele, mas sim escurecimento da pálpebra devido à visualização dos vasos dilatados .Nesse caso é comum o agravamento do problema quando os vasos da pálpebra inferior se encontram mais dilatados (cansaço, insônia, respiração oral, choro) e determinam extravasamento sanguíneo dérmico.
 As principais abordagens terapêuticas são: aplicação tópica de produtos despigmentantes, peelings químicos,  preenchimentos com ácido hialurônico, luz intensa pulsada e laser de CO2.
olheiras-corretivo-1346285181918_615x300
A maioria dos tratamentos tópicos usados consiste basicamente na aplicação de produtos despigmentantes (vitamina C, ácido azelaico, ácido fítico, ácido kójico, arbutin, biosome C, fosfato de ascorbil magnésio, ácido tioglicólicos)
O tratamento com peeling de gel de ácido tioglicólico 10% na pigmentação infraorbicular é efetivo com a média de  cinco sessões quinzenais de peeling. O ácido tioglicólico é despigmentante de odor desagradável, indicado para hipercromia com componente vascular predominante, por ter a capacidade de absorver o óxido de ferro da hemoglobina, suavizando as olheiras.
O ácido ascórbico é agente despigmentante com estabili- dade química reduzida em formulações de uso tópico. Além de seu efeito clareador também pode aumentar a síntese de colágeno e com isso, melhorar a espessura da pele, atenuando as olheiras.
Tratamento com Laser 
A utilização de luz intensa pulsada é indicada no tratamento de olheiras vasculares por estimular a síntese de colágeno e promover melhora na textura e na coloração da pele, através da estimulação seletiva da temperatura na profundidade desejada, sem aquecer a superfície da pele.
Outra forma de tratamento é com laser de CO2 com bons resultados ! O tratamento deve ser precedido de clareadores tópicos e proteção solar, este último sendo mantido pós-tratamento.
Ácido Hialurônico 
Outro tratamento indicado para olheiras é o preenchimento da da região com ácido hialurônico. Essa substância é componente existente entre as células encontrado em todos os tecidos, com capacidade de reter água, proporcionando hidratação e turgor à pele.
Encontramos diversos cosmecêuticos  no mercado que devem ser indicados conforme o tipo de olheiras e faixa etária , além de tratamentos estéticos segundo a necessidade do paciente!
E agora, se você não pode realizar nenhum desses tratamentos lance mão do velho e bom corretivo!
2016-09-12-photo-00000248
💋da Derma
  Advance Centro Clinico Sul

SGAS 915 sala 217

3245-3520/ 986471176

Deixe uma resposta

pt_BRPortuguês do Brasil
en_USEnglish fr_CAFrançais du Canada es_ESEspañol pt_BRPortuguês do Brasil
%d blogueiros gostam disto: