Ir para conteúdo

Saudade

Meu amor,

Ah!, que saudade de você! Mal posso esperar para chegar e pular em seus braços para sentir seu perfume, seu toque, e saber que finalmente estou casa. É que eu fui ali ver o mundo e perdi a noção do tempo. Mas hoje, a lua estava tão linda, que tudo que eu mais queria era ter você, aqui, ao meu lado, sentindo o seu abraço que se encaixa no meu, sentados a beira da praia, curtindo o espetáculo natural que a lua nos oferece.

Você é o meu chamego, meu dengo, meu confidente e em você eu encontrei o meu melhor. Com você me sinto segura de ir e voltar, de ser eu mesma e de buscar novos horizontes. E quando a tormenta dos mares ou a tempestade do céus me fizerem cair, eu sei que você me pegará no colo, me levantará e me ajudará a ser forte de novo. Você é o porto seguro que eu sempre busquei.

Ah que saudade de conversar com você por horas! De me teletransportar para uma galáxia que eu só consigo chegar através do brilho dos teus olhos quando eles encontram os meus. Lá o tempo quase para, lá meu coração encontra a paz e o aconchego que só você pode me dar. Você é como um poema de Drummond, que só de pensar, meu coração fica pequeno e sofre com essa saudade dentro do meu peito. Ah meu amor, eu não vejo a hora de te reencontrar…

Com Amor,

Nika

Deixe uma resposta

pt_BRPortuguês do Brasil
en_USEnglish fr_CAFrançais du Canada es_ESEspañol pt_BRPortuguês do Brasil
%d blogueiros gostam disto: